O nosso facebook

Associação Bengala Mágica

Este Projeto surgiu da iniciativa de três mães de crianças cegas que procuraram juntas encontrar resposta para alguns dos seus anseios, relacionados com o facto de não existir, até à data, nenhuma organização/associação que visasse o apoio a pais e familiares de crianças e jovens com esta problemática. Numa primeira fase do projeto, estas três mães, começaram por dinamizar a página de facebook “Bengala Cor de Rosa” (https://www.facebook.com/bengalacorderosa/), a qual continuará a existir com a finalidade inicial, sendo uma página pessoal e não institucional. O objetivo destas três mães foi desde sempre constituir uma Associação Nacional de pais, familiares e amigos de criança, jovens e adultos cegos e com baixa visão. A pagina Bengala Cor de Rosa e algumas das iniciativas desenvolvidas no âmbito da mesma, permitiram chegar a outros pais e a pessoas que se interessam por esta causa e a apoiaram desde o início. A Associação Bengala Mágica foi formalmente constituída dia 20 de outubro de 2017 e desde então até ao presente já foram muitos os projetos e iniciativas que desenvolveu. Para que possamos continuar a crescer e a fazer ver para além do que é visível aos olhos, precisamos de todos! Juntem-se a nós através do site bengalamagica.pt
Associação Bengala Mágica
Associação Bengala Mágica
Hoje estivemos a dinamizar uma ação de formação sobre ”Orientações para o ensino da música para alunos cegos e com baixa visão” no Conservatório Regional de Palmela.

Agradecemos aos professores Catarina Braga e Rui Pinto por terem partilhado os seus conhecimentos e experiência decorrentes do Projeto Filarmónica Enarmonia. Agradecemos também ao Dr João Pedro Fonseca, psicólogo do CTC da Bengala Mágica pela sua presença e contributos nesta tarde de aprendizagem.

Acreditamos que passo a passo chegaremos ao dia em que nenhum aluno deixará de poder aprender música por ter deficiência visual. Este é o caminho que escolhemos.
Associação Bengala Mágica
Associação Bengala Mágica
Hoje participámos enquanto entidade parceira no Workshop promovido pela equipa de investigadores do LARSyS do Instituto Superior Técnico, no âmbito do Projeto Europeu DCitizens: Fostering Digital Civics Research and Innovation in Lisbon.
O objetivo deste projeto é desenvolver um modelo participativo de investigação partindo de propostas dos parceiros locais. Para esta iniciativa, a Bengala Mágica convidou algumas pessoas que, pelos cargos que ocupam ou experiência que detêm, são uma mais-valia para a discussão e elaboração de propostas que possam ser respondidas pelo Projeto. Além de dois dos elementos da Direção da Bengala Mágica (Dídia Lourenço e Irina Francisco), estiveram presentes a Dr.ª Isabel Pargana (Diretora do Centro de Reabilitação Nossa Senhora dos Anjos) e o Técnico de TIC Amaro Costa, o Dr. Rodrigo Santos (Presidente da Direção Nacional da ACAPO), a Dr.ª Margarida Loureiro (Presidente da Pró-Inclusão e membro do CTC da Bengala Mágica ), o Dr. João Pedro Fonseca (Psicólogo no Instituto Gama Pinto e membro do CTC da Bengala Mágica), e o Engenheiro informático Rui Batista (associado da Bengala Mágica).
Agradecemos a todos por terem aceitado este desafio de nos acompanharem nestas jornadas. Agradecemos também aos investigadores Hugo Nicolau e Isabel Neto por nos terem incluído neste Projeto e também aos restantes parceiros do mesmo pelas partilhas enriquecedoras deste dia.
Associação Bengala Mágica
Associação Bengala Mágica
Newsletter da Access Lab:

"Algures numa paragem de autocarro, à espera, vi duas pessoas a falar. Olhei para os gestos no ar, todas as expressões, e fiquei a pensar o que poderiam estar a dizer. As mãos mexiam, respondiam, e fora a pessoa no canto inferior direito no quadrado, que vemos nas notícias, estava ali ao vivo, em primeira mão, a olhar, a decifrar os gestos, o que seria o equivalente a estar a alguém a conversar e outra de ouvido posto, exceto que estava de olhos postos circundantes entre uma e outra pessoa, até que deram por mim, sorrimos – linguagem universal – o autocarro chegou e seguimos caminho.(...)" (Alice Neto de Sousa)

https://bit.ly/3QNXsUP
Associação Bengala Mágica
Associação Bengala Mágica
Então para quem acha que uma pessoa cega não pode cozinhar … aqui fica!

Parabéns pela iniciativa @Patricia Santos!
Associação Bengala Mágica
Associação Bengala Mágica está em LU.CA - Teatro Luís de Camões.
LU.CA - Teatro Luís de Camões
Domingo vamos ao Teatro?

Uma outra bela adormecida- Leitura Encenada/Música
Público alvo: maiores de 6 anos

22 de janeiro às 16:30 com audiodescrição e possibilidade de reconhecimento do palco e adereços uma hora antes do espetáculo começar.

LU.CA–Teatro Luís de Camões Calçada da Ajuda, 80, 1300-015 Lisboa 215 939 100

info@lucateatroluisdecamoes.pt

Bilheteira 2.ª a 6.ª: 10h-13h e 14h-17h sáb e dom: 10h30-13h e 14h-17h30

Reservas 215 939 107 bilheteira@lucateatroluisdecamoes.pt

A história d’A Bela Adormecida foi contada pelo senhor Charles Perrault há muito tempo. Tanto que, mais de 350 anos depois, Agustina Bessa-Luís reescreveu o texto, dando-lhe novos significados a partir do mundo dos sonhos e do célebre sono da princesa adormecida. Neste espectáculo, Beatriz Brás, Martim Sousa Tavares e Francisco Lourenço revisitam esta história intemporal, contando-a também através de música e imagens.



Sinopse: Uma outra Bela Adormecida é uma reflexão sobre como, no palco do teatro ou enquanto dormimos, habitamos um mundo onírico onde experimentamos ser quem quisermos. E no fundo, crescer é nada mais nada menos do que isso mesmo
Associação Bengala Mágica
Associação Bengala Mágica
Workshop Braille

Hoje o dia está a ser dedicado à aprendizagem do Braille.

Agradecemos o apoio da Junta de Freguesia de São Domingos de Benfica na cedência das instalações e da Direção Geral de Educação na cedência das máquinas Perkins.

É gratificante ver o entusiasmo dos formandos na aprendizagem do Braille.
Skip to content