Participação na apresentação do livro “O Visionário”

Foi com um prazer imenso que a Associação Bengala Mágica esteve na apresentação do livro “O Visionário ” da nossa amiga Rosabela Afonso. Um livro infanto juvenil que retrata a vida de Elias, uma criança que ficou cega, mas que continua a ver com o coração e que acredita que pode ajudar os outros da mesma forma que ele foi ajudado. Como a Rosabela disse a vida é uma rede e se todos contribuirmos um pouco, de certeza que iremos fazer a diferença. Somos sementes , crescemos e ao cuidar, os frutos serão uma grande recompensa.

Certamente a leitura deste livro vai ser uma grande recompensa.

Este livro está acessível a todos os leitores de ecrã para cegos.

Para além deste lindo livro, podemos desfrutar de um momento musical maravilhoso do nosso amigo Ruben Portinha que nos presenteou com 3 músicas novas lindíssimas.

Descrição das imagens: foto 1 Rosabela Afonso a falar sobre o livro. No painel estavam também a representante da Editora, a jornalista Isabel Costa Silva e o representante da UCCLA.

Foto 2 Rosabela Afonso a dar autógrafo.

Foto 3 Momento Musical com o Ruben Portinha

Participação no Mercado de Natal do Rato

Este espaço foi criado para dar voz a diversas Associações

Vamos divulgar a nossa Associação e também vender alguns produtos para angariação de verbas.

vamos ter a presença do nosso querido amigo Ricardo Teixeira, que vai falar sobre a cegueira e as suas aventuras e desventuras no formato de “Stand up comedy”.

E fomos entrevistados para o programa Portugal em Direto

Participação nas VI Jornadas “Deficiência Visual e Intervenção Precoce”promovidas pelas ANIP, que decorreram no Hospital Pediátrico de Coimbra.

Momentos de partilha, reflexão, e aprendizagem que contribuem para sermos melhores pais e profissionais. Bem Haja à ANIP e ao CAIPDV pelo excelente trabalho desenvolvido na área da DV e IP. Da direção da Bengala Mágica estiveram presentes: Rita Santos, Dídia Lourenço e Paulo Martins, que moderou o último painel, na qualidade de pai . Estiveram ainda presentes três membros do Conselho Técnico Científico da Bengala Mágica : Prof. Margarida Loureiro, Prof. Irina Francisco e Dra. Catarina Paiva.

Participação no Seminário “Reflexões e Perspectivas das políticas de inclusão na educação de alunos com Deficiência Visual”

Participação no Seminário “Reflexões e Perspectivas das políticas de inclusão na educação de alunos com Deficiência Visual”, a convite da Associação Nacional para a Inclusão do Cidadão com Deficiência Visual, responsável pela organização do mesmo.

A “Voz dos Pais” de crianças e jovens cegos e com baixa visão será levada por Dídia Lourenço, sócia fundadora e dirigente da Bengala Mágica, que apresentará a visão dos pais acerca das atuais políticas educativas no âmbito da inclusão de alunos com DV, na “Sessão de Abertura” do seminário e dinamizará o painel intitulado ” Visão dos Pais sobre a educação para alunos com DV”.

Descrição de imagem: Grupo de 4 jovens de pé, à volta de uma mesa, em sala de aula. Um dos jovens é cego. e está a “ver” o que parece ser um órgão do corpo humano, em 3D. Os restantes ajudam na experiência.

Participação na festa de encerramento do ano letivo do “Espaço Ecos”

Falando de nós para fazer ECO em vós!

Além de tudo o que este momento teve de bom , estamos ainda a colher os frutos do que lá fomos semear e não há nada mais gratificante do que vermos outras pessoas/entidades procurarem-nos espontâneamente para se disponibilizarem a integrar este nosso Projeto.

É importante partilhar aqui esta nossa experiência que tem sido tão positiva. Em todos os lugares por onde vamos passando há sempre alguém pronto a juntar-se a nós e assim, vamos crescendo e construindo este nosso caminho onde queremos acima de tudo mostrar que a visão não se limita ao que os nossos olhos veem…

São estes ECOS que nos fazem ACREDITAR!

Descrição de imagens:

Imagem 1: Dídia Lourenço falando para o público presente no espaço onde decorreu a festa (Cinema Charlot em Setúbal) no momento de Apresentação do Projeto da Associação Bengala Mágica. Por trás está projetado o Logotipo da Associação Bengala Mágica.

Participação da Bengala Mágica no II Encontro de Educação especial da Escola Secundária de Pinhal Novo

A nossa Associação divulgou o trabalho realizado desde a sua criação até ao presente e apresentou também o testemunho de alguns pais de crianças cegas e com baixa visão acerca das experiências e desafios com que se deparam diariamente.

Falar para uma plateia de professores, foi para nós uma oportunidade de contribuir para a sensibilização daqueles que, tal como nós,pais, ajudam diariamente os nossos filhos a crescer e a ser.

Nesse painel participaram também a “Associação Mão Guia” que apresentou o seu projeto de terapia Assistida por animais e a Dra Carla Badalo que deu o seu testemunho enquanto pessoa cega e professora de Educação Especial da área da Deficiência Visual.

Descrição de imagens:

Foto 1: Didía Lourenço (Direção da Bengala Mágica) a falar para o público.

Foto 2: Tela com o vídeo de apresentação de testemunhos de pais de crianças cegas e com BV e respetivas crianças.

Foto 3: Auditório onde decorreu o evento, público sentado de costas e tela de projeção à frente.

Foto 4: Slide final da Apresentação da Bengala Mágica onde se pode ler: Porque a visão não se limita ao que os nossos olhos veêm… Junte-se a nós e ajude-nos a ver e a fazer ver!

Participação na comemoração das bodas de prata de vida literária do escritor José Carlos Pereira

Estivemos presentes nas comemorações das bodas de prata de vida literária e de movimentos culturais, do escritor José Carlos Pereira. São 25 anos de contributo para a sociedade e presença ativa em agremiações culturais. O programa contemplou diversos momentos: musicais, tertúlias, entre outros e teve o contributo de vários artistas na animação do evento.

Destacamos a presença do Musico Rão Kyao, acompanhado por Renato Júnior, que permitiu que os meninos da nossa associação acompanhassem de bem perto a sua atuação. Os nossos sinceros agradecimentos também pela sua generosa presença.

De destacar a preocupação do escritor José Carlos Pereira, pela literacia das crianças e jovens com deficiência visual, tendo inclusive já uma edição em braille de uma das suas obras “ Miguel Sarapintas e o Pinto de Três Patas”.